Formação inicial de Motoristas de transporte coletivo de crianças

DURAÇÃO
35h
HORÁRIO
Pós-laboral
VALOR
160€

INFORMAÇÕES
PROGRAMA
CONDIÇÕES

Data: A definir após atingir o n.º mínimo de participantes.
Local: Forgesp

Formador: Miguel Silva, Lina Carvalho, Marla Cruz e Nísia Almeida

Horário: 18H 30min – 22H (3.5h/dia)
Forma de organização: Presencial

Destinatários: Motoristas de Transporte Coletivo de Crianças.
Modalidade de formação: Formação Profissional Inicial.

Objetivos:
Preparar os profissionais que atuam, no transporte de crianças, enquanto atividade principal ou acessória, para a prática da atividade de transporte coletivo de crianças segundo os requisitos definidos pela Lei n.º 13/2006 de 17 de Abril e pela Portaria n.º 1350/2006 de 27 de Novembro.

Objectivos específicos:
No final da ação os formandos deverão ser capazes de:
- Desenvolver competências preventivas potenciadoras do incremento da segurança no transporte coletivo de crianças;
- Identificar as regras existentes inerentes ao transporte coletivo de crianças, promovendo a sua atualização regular;
- Desenvolver atitudes favoráveis à segurança do transporte de crianças;
- Aplicar os princípios de primeiros socorros em situação de acidente rodoviário;
- Desenvolver competências pessoais e relacionais ao nível do transporte de crianças.

COMPETÊNCIAS A ADQUIRIR:
- Aquisição de conhecimentos e procedimentos na área da prevenção rodoviária em geral e envolvendo crianças;
- Conhecimento da legislação rodoviária e recentes alterações ao Código da estrada;
- Identificação, interpretação e aplicação das normas e regras decorrentes da regulamentação do transporte coletivo de crianças;
- Aquisição de conhecimentos e procedimentos de emergência envolvendo crianças e jovens;
- Sensibilização e tomada de conhecimento de atitudes e formas ideais de comunicação e relacionamento com crianças e jovens.

Metodologia:
No desenvolvimento do programa serão utilizados os métodos afirmativo e ativo com recurso a várias estratégias: partilha de experiências, exercícios práticos (individual e/ou em grupo).
Os formandos serão avaliados tendo em conta os seguintes parâmetros: participação, motivação, aquisição e aplicação de conhecimentos, assiduidade e o resultado obtido na prova/exercício/atividade de avaliação final.